Mais lidas
Share

Campinense perde primeiro jogo e agora decide classificação em casa


O prognóstico anunciado pelo técnico Itamar Shulle durante a semana se confirmou na tarde deste domingo (27), no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.
Se o comandante do Operário-PR disse que 1 a 0 contra o Campinense seria goleada, os jogadores obedeceram.
E com gol de Peixoto, aos 45 minutos do primeiro tempo, o Fantasma de Vila Oficinas bateu a Raposa sem sofrer gols e leva uma boa vantagem para o jogo da volta das oitavas de final da Série D. A peleja está marcada para a semana que vem no Amigão, em Campina Grande.
Os paranaenses, que contaram com a estreia dos ex-botafoguenses Doda, titular, e Nata, o qual entrou no segundo tempo, mandaram na primeira etapa da partida. Eles foram premiados com o gol no último lance da fase.
Sem poder de fogo no tempo inicial, o Campinense até tentou voltar mais aceso no segundo tempo, porém não foi suficiente. Artilheiro da Raposa na competição com cinco gols, o atacante Rodrigão entrou após o intervalo e até tentou mudar o quadro. Sem sucesso.
O volante rubro-negro Magno, amarelado aos 10 minutos de jogo, e o lateral esquerdo Ronael, estão fora do jogo da volta por conta do terceiro cartão.
No Amigão, domingo que vem, às 16h, o Campinense vai precisar vencer o Operário-PR com dois ou mais gols de diferença para avançar na Série D.
Caso a Raposa reproduza seu oponente e vença por 1 a 0, a decisão vai para os pênaltis. Qualquer empate coloca o Operário-PR nas quartas de final.
Foto: PB Esportes

Ficha técnica
Operário-PR 1 x 0 Campinense
Data: 27/09/2015 – 15h30
Local: Estádio Germano Krüger – Ponta Grossa-PR
Competição: Campeonato Brasileiro da Série D – Oitavas de final (jogo de ida)
Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães (ASP-FIFA/Rio de Janeiro); Wendel de Paiva Gouveia (CBF-1) e João Luiz Coelho de Albuquerque (CBF-2)
Cartões amarelos: David, Magno (CC); Lucas, Doda (OFEC)
Gol: Peixoto (aos 45′ do 1ºT) para o Operário-PR.
Operário-PR: Paulo Sérgio, Sosa, Douglas Mendes, Pedrinho, Peixoto, Julinho (Doda); Chicão, Lucas, Doda, Gilvan (Joélson) e Rossi (Jean). Técnico: Itamar Schulle.
Campinense: Gledson, Grafite, Joécio, Thiago Sala e Ronael; Negreti, David (Rodrigão), Magno e Valdeir (Éder); Túlio Renan e Adalgiso Pitbull (Felipe Ramon). Técnico: Francisco Diá.

Fonte: PB Esportes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Blog do Campinense não tem qualquer vínculo com o site oficial do Campinense Clube.

Em postagens antigas, é possível haver erros de português e digitação. Pedimos desculpas, mas não tem como corrigir tantas postagens. Caso você perceba algum, por favor comente e corrigiremos o mais rápido possível.

Seja sócio da Raposa

Traduzido Por: Mais Template - Designed: Blogger Templates - Curioso Curiosidades